Capela Nossa Senhora Imaculada Conceição

Capela Nossa Senhora Imaculada Conceição

Localizada no alto do morro que divide os bairros de Bombas e Bombinhas, é um dos mais importantes monumentos históricos do município. A Capela da Imaculada Conceição, é herança das tradições históricas e culturais de Bombinhas. É, também, cenário de alguns dos contos populares mais conhecidos do município, ligada a mistérios e lendas.

Sua história

Inaugurada em 1928, a Capela da Imaculada Conceição foi fruto do envolvimento entre as comunidades de Bombas e Bombinhas.  De maneira que o local pudesse atrair os moradores dos dois bairros, foi construída no morro que os separa. A grande dificuldade, no entanto, foi o transporte do material até o local, que na época era feito de carroça pelas rudimentares estradas de chão.

Pouco tempo após a sua inauguração, na década de 30, a capela foi atingida por um raio. A descarga elétrica atingiu sua cruz, feita de metal, danificando-a. Na época, o fato fez com que alguns moradores interpretassem o fenômeno como misterioso e associassem a estrutura e localização da capela como um local mítico e amaldiçoado. – Hoje, com o conhecimento científico, sabemos que não passa de uma reação física. A cruz, situada no alto do morro, se tornou um grande condutor de energia, naturalmente atraindo os raios.

Após ser atingida pelo seu primeiro raio, a capela foi restaurada e continuou intacta pelos próximos 40 anos. Durante esse período, era ponto de encontro da comunidade. As missas eram rezadas uma vez por mês por um padre que vinha de Tijucas.

Até que, em 1970, foi novamente alvo dos raios. Em uma única tempestade, foi atingida por três raios. O fenômeno destruiu toda a estrutura da capela, tornando-a quase irreparável. Foi, então, que as duas comunidades foram desmembradas. A comunidade de Bombinhas fundou a Capela Nossa Senhora dos Navegantes, enquanto Bombas fundou uma nova Capela da Imaculada Conceição.

Entre os anos de 1970 e 2000, a antiga capela foi completamente esquecida pelos moradores. O terreno onde ficavam as ruínas do antigo monumento histórico foi vendido e não se ouviu falar mais sobre ela. Mas as coisas mudaram em 2004.

Créditos: Setur Bombinhas

A Revitalização

Em 2004, através de iniciativas privadas, as ruínas da antiga igreja foram restauradas. Em meados de 2005, foi inaugurada, pela terceira vez, a Capela da Imaculada Conceição, em Bombinhas. Um dos principais objetivos da obra era se manter fiel à construção original, fator aprovado pelos moradores antigos do município.

Ao invés de uma cruz de metal, hoje a capela possui uma cruz de madeira, deixando-a menos exposta a fenômenos naturais como os raios que a atingiram nas décadas anteriores.

Importante destino turístico de Bombinhas

Hoje a Capela da Imaculada Conceição está inclusa no Roteiro Cultural de Bombinhas. Cenários de contos e lendas, é um importante destino turístico para se aprofundar nos costumes, tradições e histórias locais. 

créditos: Setur Bombinhas
Trilha da Pedra de Quatro Ilhas

Trilha da Pedra de Quatro Ilhas

A trilha se inicia no canto direito da Praia de Quatro Ilhas, na rua Ubarana, onde se concentra a maior área de natureza preservada do bairro Quatro Ilhas , inicia-se uma linda trilha com curta duração e que apresenta paisagens encantadoras. Uma ótima opção para turistas e moradores que buscam uma trilha rápida e que não exige um preparo físico, pois é uma trilha de nível fácil e de curta duração, cerca de 15 min.

Como é a Trilha de Quatro Ilhas?

Apesar de não ser catalogada pela Secretaria Municipal do Turismo de Bombinhas como uma trilha oficial, a Trilha da Praia de Quatro Ilhas é uma das mais visitadas pelos turistas que visitam Bombinhas. Por conta disso, não se tem com precisão qual o tamanho, a dificuldade e o tempo de realização da trilha, mas quem a faz a trilha indica que o trajeto tem por volta de 500 metros, grau de dificuldade fácil e pode ser realizada em cerca de 15 a 20 minutos.

O que esperar da trilha da Pedra de Quatro Ilhas

Como é de se esperar, a Trilha de Quatro Ilhas possui destinos encantadores e especiais. Durante o trajeto, fica evidente a preservação da área, com uma ampla área de Mata Atlântica intocada pela ação humana. Além disso, diversas espécies da fauna e flora podem ser encontradas no local, como palmeiras, bromélias e figueiras, além de muitos passaros nativos da mata atlantica, la tambem você vai encontrar o pássaro símbolo de Bombinhas, o aracuã.

O maior presente da trilha são os mirantes naturais, que se revelam aos montes durante o trajeto. Para quem inicia a caminhada pelo canto direito da Praia de Quatro Ilhas, o primeiro deles revela uma vista exuberante da própria praia, podendo ser contemplada de cima em toda a sua totalidade.

No final da trilha, encontra-se uma vista encantadora de toda a extensão das praias de Quatro ilhas, Canto Grande (mar de fora) e parte das praias de Mariscal e Bombinhas. Local onde rende as mais lindas fotografias.

Curiosidade sobre a trilha 

No outono e inverno, durante a temporada da Pesca Artesanal da Tainha, os mirantes naturais da trilha são utilizados como ponto de observação pelos pescadores. É onde se posicionam os olheiros, responsáveis por avisar o cardume de peixes que chega a praia e passar a informação para os demais pescadores, que ficam na areia da praia aguardando o aviso da chegada do peixe para fazer o cerco.

Mirante Eco 360º

Mirante Eco 360º

O Eco 360° é um atrativo que contempla história natural, ecoturismo e turismo de aventura. Localizado na estrada que leva à Praia da Tainha, na base do Eco 360° encontra-se o Museu de História Natural Charles Darwin, que possui exposições temáticas sobre a natureza e as diferentes formas de vida existentes e a sua evolução, além de um laboratório com aquários e quaternários. Também, na base, estão dois pequenos mirantes de onde é possível contemplar toda a imensidão do mar.

Créditos: Divulgação Setur Bombinhas

Já para acessar o topo do Mirante Eco 360° é necessário percorrer uma trilha de cerca de 15 minutos. Além da linda vista de 360° que se tem de uma altura de 218 metros, a natureza também oferece condições ideais para a prática de atividades como escalada, rapel e tirolesa.

É uma ótima opção para quem gosta de turismo ecológico, quem conhece com certeza vai concordar, também é muito bom para iniciantes, afinal o trajeto é de nível de dificuldade fácil, e lhe proporciona uma experiência incrível com lindas paisagens.

Fonte: Portal de Turismo Bombinhas

Trilha da Costeira de Zimbros

Trilha da Costeira de Zimbros

Localização 

A trilha da costeira de Zimbros inicia-se no canto direito da praia na última rua da praia de Zimbros sendo ela a Rua Piratini. A rua Piratini termina bem no canto da praia, onde no final da rua tem o acesso à trilha.

Nas proximidades tem vários estacionamentos onde pode deixar o carro em local seguro e em alguns com sombra, mas você também pode optar por deixar o carro estacionado na rua, o local é bem tranquilo não precisa se preocupar.

A trilha

A trilha já inicia com uma leve subida  onde tem uns bancos para sentar e descansar em meio a mata preservada. A trilha em um todo é bem tranquila, algumas subidas e descidas, mas nada exagerado, a trilha é bem sinalizada e limpa, sendo assim um trajeto fácil de se percorrer, porém deve se ter em mente que ela é bem extensa cerca de 8 km de ida mais 8 km de volta, totalizando 16 km. Mas você não precisa fazer ela com pressa, afinal ela tem vários pontos onde você e sua família podem parar, fazer um lanche, tomar uma água e descansar.

O trajeto da trilha passa por algumas praias desertas, a primeira praia que encontrara na trilha é a praia do cardoso, depois encontrará respectivamente, Praia da Lagoa, Praia Triste ( onde está localizada a cachoeira da Praia Triste), Praia Vermelha, Praia Grande, e a Prainha. Todas desertas com acesso somente por embarcação ou pela trilha.

Fonte: Turismo Bombinhas.

Atrativo principal

O atrativo principal da trilha da Costeira de Zimbros é a Cachoeira da Praia Triste. Centenas de pessoas percorrem a  trilha com um objetivo em comum, chegar a cachoeira, que está situada na Praia Triste em meio a exuberante mata preservada. Para chegar na cachoeira é preciso seguir uma trilha que se inicia na Praia Triste, esta parte é um pouco mais íngreme e com mata mais fechada, vale ressaltar que é ideal ir com um calçado fechado.

Sobre a cachoeira da Praia Triste falaremos em outra postagem com mais detalhes.

Fonte: Mateus Trevisol

Autor: Mateus Trevisol

Top 10 praias que provavelmente você não conhece

Top 10 praias que provavelmente você não conhece

Praia do cardoso: 

Localizada na trilha costeira de Zimbros, esta é a primeira praia que você encontra no trajeto da trilha. Uma praia deserta onde as únicas formas de se ter acesso é pela trilha ou por embarcação.

Praia da Lagoa:

Localizada na trilha costeira de Zimbros, é a segunda praia encontrada na trilha, conhecida como Praia da Lagoa, por ter uma lagoa nas margens da praia. Praia deserta podendo ser acessada por embarcação ou pela trilha.

Praia Triste:

A Praia Triste é uma das mais famosas praias desertas de Bombinhas, é lá onde está situada a cachoeira da Praia Triste, lugar exuberante em belezas naturais, em meio a mata atlântica preservada. Só é possível chegar lá por embarcação ou pela Trilha da Costeira de Zimbros. É a terceira praia encontrada na trilha.

Praia vermelha:

A Praia Vermelha é a quarta praia seguindo pela Trilha da Costeira de Zimbros, praia de areia grossa, com incidência de ondas maiores. Acesso somente por embarcação ou pela trilha.

Praia Grande:

A quinta praia seguindo o trajeto da Trilha da Costeira de Zimbros, praia deserta de dificil acesso, acessada somente por embarcação ou por trilha.

Prainha:

A sexta e última praia da Trilha Costeira de Zimbros, como o nome já diz, é bem pequena, seu acesso se dá somente pela trilha ou embarcação.

Praia do Cação:

A Praia do Cação está localizada próxima a Praia da Tainha, hoje seu acesso é somente por embarcação, existem vários passeios de barco que vão até a Praia do Cação.

Praia do Buraco Quadrado:

Pequena prainha localizada proxima a Praia da Tainha, acesso somente por embarcação.

Porto da Vó:

Pequena praia deserta localizada na ponta da tainha, seu acesso é somente por embarcação ou trilha.

Praia da Galheta:

A Praia da Galheta está localizada no canto esquerdo da Praia de Bombas em meio ao costão, praia com grande formação rochosa no seu entorno, tornando difícil seu acesso até mesmo por embarcação. Existe uma trilha que dá acesso a ela.

Autor: Mateus Trevisol

Oque fazer na Primavera em Bombinhas

Oque fazer na Primavera em Bombinhas

Para começo de conversa vamos falar sobre o clima, como a maioria procura Bombinhas por suas belas praias e paisagens de tirar o fôlego, o clima é um fator importante  a se considerar.

Na Primavera a temperatura em Bombinhas é bastante agradável, agrada todos os gostos, pois geralmente tem temperatura amena, ou seja não é frio mas também não é aquele calor intenso, mas tem alguns dias mais frescos e também alguns dias mais quentes, que já dá para aproveitar bem as praias.

Por falar em praias, opção de praias é oque não falta em Bombinhas, tem praias de todos os tipos e gostos.

 Neste período também é bastante agradavel por que não costuma chover muito, assim dá para aproveitar bastante.

A primavera é a estação do ano ideal para quem procura um pouco de sossego e tranquilidade, pois neste período a maioria das pessoas está fazendo reservas para o verão assim a cidade nesta época esta mais tranquila e você pode aproveitar muito mais. 

Uma ótima opção é aproveitar para desfrutar da rica gastronomia de Bombinhas, neste período os restaurantes estão menos movimentados, assim você pode desfrutar com mais tranquilidade e é claro com um atendimento diferenciado já que os atendentes podem lhe dar mais atenção comparado a um dia de movimento intenso do verão.

fonte: https://www.facebook.com/pg/cesar.restaurante/

Outra opção é aproveitar que o clima é muito favorável e conhecer algumas das dezenas de trilhas em meio a mata  em áreas de preservação ambiental, como exemplo o Parque Municipal do Morro do Macaco, com o clima ameno fica menos cansativo fazer esta caminhada. Você vai se surpreender com as lindas vistas em meio as trilhas.

Nos  dias quentes da para aproveitar para fazer mergulho , como exemplo tem escolas de mergulho que fazem mergulho na Ilha do Arvoredo, ou se preferir tem expedições de mergulho mais próximas como na praia da sepultura.

Estas são algumas ideias do que fazer em Bombinhas na Primavera, são experiências incríveis que eu garanto que você e sua família levarão para o resto da vida. Quem já conhece Bombinhas sabe das maravilhas do Municipio.

Visite outro artigo sobre Bombinhas

Open chat
1
Olá!
Em que podemos lhe ajudar?